• 21 de May de 2022

Cadê o prefeito? Elinaldo desaparece em mais um momento difícil para a população de Camaçari

 Cadê o prefeito? Elinaldo desaparece em mais um momento difícil para a população de Camaçari

Coluna Quebra-queixo
Joe Improta

Mais uma vez a população de Camaçari não pode contar com o prefeito Antonio Elinaldo, cargo que faz sentido apenas no papel. As chuvas tem castigado a cidade nos últimos dias, varias famílias desabrigadas e não se sabe o paradeiro do prefeito.

No período de pandemia, no ápice da evolução dos casos de contaminação, Elinaldo era procurado por toda cidade, que sentia a falta de uma liderança. Camaçari era um barco a deriva.
No dia 19 de janeiro de 2021, o município vacinou a primeira pessoa contra a covid-19, um momento de fé e esperança para a população, porém sequer neste momento Elinaldo apareceu, enviando o vice e o secretário de saúde para a cerimonia.

É possível ver o chefe do executivo em publicidades baratas, a exemplo do “pão com melancia” – entregue para pequena quantidade de crianças da rede municipal – elevando em suas redes sociais como um grande feito na educação, e claro, sempre associando a imagem da sua esposa – pessoa que ele tenta aumentar a popularidade para emplacar na política.

É uma crueldade o que faz o prefeito Elinaldo com a população de Camaçari, que vive sem amparo, sem liderança, sofrendo mais uma vez pelo caos político instalado, por falta de capacidade em gerir e sensibilidade com a dor e dificuldade da população.

Certa vez quando questionado sobre a “contratação de fora” para cargos importantes na cidade, Elinaldo deu a entender que Camaçari não tinha pessoas capacitadas para assumir os cargos, quando na verdade quem não tem competência é o autor da infeliz colocação.

Agora, em mais um momento de dificuldade e dor, o prefeito publica em suas redes sociais, imagens de atividades de funcionários públicos olhando deslizamentos de encostas e destruição de casas, maneira encontrada para amenizar a sua ausência.

Joe Improta