• 1 de March de 2024


Ambev investe R$ 75 milhões e inaugura nova linha de refrigerante em Camaçari

 Ambev investe R$ 75 milhões e inaugura nova linha de refrigerante em Camaçari

A Ambev inaugurou, nesta terça-feira (14), uma nova linha de produção de refrigerante na fábrica de Camaçari. Foram investidos R$ 75 milhões no projeto, que ampliará a capacidade de produção mensal da unidade de 450 mil hectolitros para 550 mil hectolitros. Presente na cerimônia, o governador Jerônimo Rodrigues enfatizou a relevância econômica do lançamento para o estado, ressaltando a parceria entre o governo baiano e a indústria como um catalisador para o desenvolvimento social e da economia local.

“Eu fico muito contente de estar aqui, hoje, visitando essas instalações para um anúncio de uma ampliação dos investimentos da unidade de refrigerantes para que a Ambev possa abastecer o mercado. E, agora, justamente no final de ano, férias, verão, pré-chegada de carnaval, a empresa se prepara para abastecer o mercado. É mais emprego, é mais renda para o município de Camaçari, para o estado da Bahia”, comemora o governador.

A unidade da Ambev em Camaçari abastece 11 estados e é responsável pela produção de Guaraná Antarctica, Pepsi, Sukita e Soda, além das cervejas Antarctica, Original, Brahma, Brahma Duplo Malte, Skol, Skol Puro Malte e Bohemia. Durante a ampliação da linha, 178 novos empregos foram gerados diretamente e ainda haverá a contratação de mais 36 pessoas pós-implantação.

“A gente acredita muito no Brasil e no Nordeste e a nossa presença no estado da Bahia é de longa data. Queremos estar juntos no desenvolvimento do estado e por isso seguimos investindo para gerar crescimento na região. Esse investimento vem para garantir a melhor experiência para os nossos clientes e consumidores, que vão passar a ter mais opções dos nossos produtos”, afirma Jean Jereissati, CEO da Ambev.

O secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado (SDE) pontua a importância dos programas de incentivo fiscal e para atração de novos investidores para a Bahia. “Nós temos dois grandes agentes de fomento e incentivo à atração de empresas para a Bahia e, também, de ampliação de contas que já estão no estado. Um é o Proind [Programa de Estímulo à Indústria do Estado da Bahia] e o outro é o Desenvolve [Programa de Desenvolvimento Industrial e de Integração Econômica]. Em 2023, estamos sendo contemplados com uma forte potência na busca desses investimentos”, conta ele, que completa: “Eu acredito que 2024 vai ser um ano ainda melhor por conta do volume que está chegando. Aqui, a Ambev, hoje, por exemplo, é prova disso. Foi um aproveitamento a partir de uma ampliação. Eles puderam fazer aderência ao Desenvolve, fortalecendo o benefício que eles têm do Estado para poder produzir mais e gerar mais lucro e mais emprego, naturalmente”.

Nesta mesma semana, a Ambev também anuncia um investimento para expansão da capacidade de produção de cerveja premium na fábrica do Maranhão-MA, no valor de R$ 100 milhões, reforçando a importância estratégica da região Nordeste para o negócio da companhia.


Joe Improta