• 28 de May de 2024


SDE se reúne com a BYD para alinhar construção do complexo fabril em Camaçari

 SDE se reúne com a BYD para alinhar construção do complexo fabril em Camaçari

Os próximos passos para a instalação da BYD no Polo de Camaçari já estão sendo dados pela empresa e pelo Governo da Bahia. Atendendo a solicitação do Governador Jerônimo Rodrigues, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) recebeu, nesta terça-feira (24), representantes da BYD para discutir demandas referentes às fases de construção do complexo fabril. Somente na primeira fase do projeto, sendo a Semi Knock-Down (SKD), também conhecida como pré-montagem, a BYD prevê a produção de 50 mil carros elétricos para comercialização, gerando empregos a partir de abril de 2024.

Para o fortalecimento da segurança na região de Camaçari, onde a BYD lançou a pedra fundamental das futuras instalações de três fábricas, será firmado um acordo de cooperação entre a empresa e a Secretaria de Segurança Pública (SSP), que também esteve presente na reunião, garantindo a atuação de um pelotão de policiais na localidade. O esquadrão de motocicletas da Polícia Militar da Bahia assegura um maior dinamismo nas operações e amplitude na cobertura de área.

“O nosso objetivo é estreitar a relação da equipe de governo com a BYD, assegurando todo suporte para o bom funcionamento da fábrica e uma produção com eficiência. Iremos reforçar estrategicamente a segurança pública dentro do polo para atender a todas as indústrias dentro do complexo e no seu entorno”, explicou o secretário da SDE, Angelo Almeida.

O gestor destacou a importância da chegada da BYD na Bahia e os resultados que o complexo fabril trará para o estado. “É a primeira vez que a BYD sai do território chinês e escolheu o estado baiano para implantar uma fábrica de carros elétricos, também a primeira das Américas. O propósito em atrair uma indústria automobilística sustentável, gerando inicialmente mais de cinco mil empregos e investindo 3 bilhões na Bahia se tornou uma realidade para os baianos. O Governador Jerônimo Rodrigues está atento e empenhado nesse processo, para fazer com que as demandas sejam cumpridas com excelência”, declarou.

Além da SDE, da SSP e da BYD, estiveram presentes o secretário de Relações Institucionais (Serin), Luiz Caetano, representantes da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), da Secretaria de Segurança Pública (SSP) e da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), que trataram sobre a intermediação de mão de obra e a qualificação profissional que o estado oferece para a população baiana, com capacidade de flexibilização para atender à BYD.

Centro de pesquisa
Além das fábricas, a BYD vai estabelecer um centro de pesquisa e desenvolvimento na região, visando transformá-la em um polo de tecnologia, referido como o ‘Vale do Silício brasileiro’. Uma das metas principais desse centro será o desenvolvimento de tecnologia para um motor híbrido flex, que possa combinar etanol com motores elétricos.

Joe Improta