• 8 de August de 2022

Petrobras vende Deten, do polo de Camaçari, por R$ 514 milhões

 Petrobras vende Deten, do polo de Camaçari, por R$ 514 milhões

A Petrobras (PETR3, PETR4) anunciou na noite de terça-feira (5) que vendeu sua participação de 27,88% na Deten, localizada no polo industrial de Camaçari para a Cepsa Química. De acordo com a petrolífera, o valor pago na operação foi de R$ 514 milhões na operação.

“Esse valor reflete o preço de compra de R$ 585 milhões, ajustado em função de correção monetária, dividendos recebidos e abatimento do valor do depósito pago à Petrobras”, informou a companhia.

A Deten atua na fabricação e venda de matérias-primas para o segmento de limpeza doméstica e comercial no Brasil. De acordo com o comunicado, a empresa é única fabricante nacional de LAB (linear alquilbenzeno), componente ativo do detergente de lavar louças, e precursora do LABSA (ácido linear alquilbenzeno sulofnato).

A capacidade anual de produção da empresa é de 230 mil toneladas de LAB e de 120 mil toneladas de LABSA. A Deten produz também dez mil toneladas por ano de ALP (Alquilado Pesado), que se destina, principalmente, à produção de fluido térmico, graxas, aditivos lubrificantes e óleos têxteis.

A Cepsa é líder na produção mundial de LAB e já possui participação indireta de 69,94% na Deten.

Joe Improta