• 28 de May de 2024


Caso Sara Mariano: Bispo suspeito de participação na morte da cantora gospel é preso

 Caso Sara Mariano: Bispo suspeito de participação na morte da cantora gospel é preso

Bispo Zadoque, como é intitulado no meio evangélico, é o segundo suspeito de assassinar a cantora gospel Sara Mariano.

Ele também é conhecido nas igrejas por atuar como cantor e compositor. Zadoque não resistiu à prisão, realizada na noite dessa terça-feira (14), na Ilha de Itaparica, em Gameleira.

O “pregador” era amigo de Sara Mariano e Ederlan Mariano, marido da vítima e primeiro suspeito do assassinato. Zadoque é natural de Camaçari – localizada a 50 km de Salvador – e congregava na Assembleia de Deus.

A prisão do segundo suspeito de envolvimento na morte da cantora, trouxe à tona um novo detalhe envolvendo Ederlan Mariano, marido da vítima. Zadoque é apontado por manter um relacionamento homoafetivo com Ederlan Mariano, no entanto, o assassinato da cantora teria sido motivado por questões financeiras, incluindo uma quantia superior a 30 mil reais.

Aos 38 anos, Sara foi assassinada e o corpo foi encontrada parcialmente carbonizado na BA-093, na região de Dias d’Ávila. A polícia ainda não informou detalhes sobre o suspeito.

Informações do Bocão News

Joe Improta