• 16 de January de 2021

Bahia investiga mais de 70 suspeitas de reinfecção por covid-19

 Bahia investiga mais de 70 suspeitas de reinfecção por covid-19

Quem teve o diagnóstico confirmado para a covid-19 e passou pelos 14 dias de isolamento pode até se sentir mais seguro, porém precisa manter os cuidados. Mais de 70 casos de reinfecção – quando a mesma pessoa é infectada mais de uma vez por um vírus – são investigados na Bahia. Para que a reinfecção ocorra, é preciso que a identidade genética do vírus apresente diferença em relação à primeira e a segunda contaminações.

Segundo a Vigilância Epidemiológica Estadual, 77 casos suspeitos são analisados em 44 municípios baianos. A concentração está na faixa etária de 20 a 49 anos (71,42%). Do total, 43 suspeitos (58,11%) são profissionais de saúde. Para a conclusão das análises, é necessário, justamente, a finalização do sequenciamento genético do vírus detectado nos pacientes, segundo informou a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab).

Já a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) diz que investiga mais de 40 casos possíveis de reinfecção na capital. “Dos 77 casos suspeitos de reinfecção divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde nesta terça-feira (ontem) duas ocorrências foram identificadas em Salvador. O CIEVS – Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde de Salvador também investiga outros 42 casos de reinfecção pelo novo coronavírus notificados na capital baiana”, diz a nota enviada pela pasta. O primeiro caso confirmado de reinfecção no país foi divulgado no dia 10 pelo Ministério da Saúde e ocorreu com uma profissional de saúde de 37 anos, residente em Natal, Rio Grande do Norte.

Com informações do Correio

Redação